Qual o custo de vida em Portugal?

Quando pensamos em morar na Europa, imediatamente bate aquela dúvida: Qual o melhor país para brasileiros? Em que devo pensar como prioridade? Idioma? Economia? Oportunidade de trabalho? Clima?

 

Para isso estamos aqui! Vamos te apresentar as principais avaliações dos três países mais queridinhos do continente europeu e que nós temos experiência de ter vivido: Portugal, Espanha e Bélgica.

 

Escolhemos Portugal como o primeiro da lista principalmente pelo idioma e pela proximidade cultural. Afinal, não é fácil (nem tão rápido) aprender uma língua nova e ainda por cima lidar com tantas diferenças de costumes.

 

O clima do Sul do país é ameno no inverno (mínimas de 9 graus), e também é nessa região que estão as praias mais belas (consideradas mais belas da Europa). Por outro lado, no Norte, cidades como Porto e Coimbra são bem agradáveis, possuem muito boas infraestruturas e também ambientes descontraídos por abrigar bastante universitários.

 

A economia lusitana é boa, as oportunidades de trabalho nas áreas de Hotelaria e Restaurantes também; no entanto, o país não apresenta um bom salário mínimo, se comparado com outros territórios europeus.

Nesse ano de 2022 o valor é de 705€. 

Em suma, para você ter uma ideia do custo de vida em terras portuguesas e avaliar se é possível morar nesse país lindo, confira alguns gastos:

 

Aluguel de um apartamento de 1 quarto:

  • Na capital Lisboa: de 700€ a 1.300€
  • Na cidade do Porto: de 500€ a 800€

 

Contas como água, luz, internet e telefone:

  • entre 100€ e 110€

 

Mercado:

  • Uma média de 40€ por semana (sem gastos luxuosos)

 

Locomoção:

  • Transporte público: 1,60€
  • Táxi: 0,80€ por quilômetro (3,30€ valor inicial)
  • Gasolina (1l): 2,03€

 

Comer (muito bem!) em um restaurante:

Entre 10€ e 25€

 

Bebidas:

  • cerveja nacional (500ml): 1,06€
  • vinho (garrafa): 4€
  • água (1,5l): 0,55€

 

 

Agora que você conhece mais sobre Portugal, suas vantagens e desvantagens climáticas, bem como seus ônus e as características de algumas regiões, é só você avaliar suas preferências e conferir suas finanças. Logo, una o útil ao agradável e escolha uma cidade para chamar de sua!

 

 

Por: Luiza Belotti

Compartilhe:

Siga-nos

Destaques

Fique ligado

Inscreva-se para receber a nossa Newsletter

Sem spam, notificações somente notícias e atualizações.

Fique ligado

Posts Relacionados